Pages

sexta-feira, novembro 23

Dias nublados





Na grafonola treme a voz de Joan Baez, para trás vão os meus pensamentos, uma voz, um rosto, uma canção que ouvi vezes sem conta, sempre à espera de um sinal, cabeça a viajar, tanta luta no meu coração entre o que sentia, o que queria e o que podia, dias sem fim na expectativa de um encontro que tardava, tardes de verão, dias de inverno, passava o tempo e nada acontecia, a esperança renovada em cada manhã e a tarde esmagada pela dilacerante solidão. Joan Baez, é passado, mas para mim, não é uma voz, é um grito de desespero de quem sabia e não podia, de quem tem que ousar e não lhe é permitido !

Obrigada Joan pela companhia.



Let it be (Paul McCartney)

When I find myself in times of trouble
Mother Mary comes to me
Speaking words of wisdom, let it be.
And in my hour of darkness
She is standing right in front of me
Speaking words of wisdom, let it be.
Let it be, let it be.
Whisper words of wisdom, let it be.

And when the broken hearted people
Living in the world agree,
There will be an answer, let it be.
For though they may be parted there is
Still a chance that they will see
There will be an answer, let it be.
Let it be, let it be. Yeah
There will be an answer, let it be.

And when the night is cloudy,
There is still a light that shines on me,
Shine on until tomorrow, let it be.
I wake up to the sound of music
Mother Mary comes to me
Speaking words of wisdom, let it be.
Let it be, let it be.
There will be an answer, let it be.
Let it be, let it be,
Whisper words of wisdom, let it be.

3 comentários:

Anonyma disse...

Às vezes, apenas uma linha invisível existe entre tentar e fazer.
Uma linha que nos parece tão real, tão palpável como o muro que caiu...
Mas cada pedra desse muro tem o peso do Mundo e, às vezes, insistimos em carrega-lo...

Anónimo disse...

Tal como tu tb eu muitas vezes sonhei com amores, naquela altura proibidos , mas muito reais para mim, ao som desta música. Comecei a ouvir Joan muito cedo naquela época, pois os da minha idade ouviam outras coisas.É passado mas ás vezes faz bem voltar lá pq é o que VIVEMOS!
Um abraço
Vanda

g disse...

anonyma, E essa linha para mim foi tão difícil de transpor.

vanda Está bem distante, mas não esquecido.
Um abraço para ti.