Pages

quarta-feira, maio 10

Caminhadas



Enigmática a noite, a brisa que vem do rio acompanha os passos que lado a lado percorrem o passeio que juntas fazemos : noites da expo; não faltam os sons das bandeiras que ainda perduram, subindo e descendo nos mastros, e o silêncio do teleférico.
Acompanhamos o verde dos jardins que se refrescam nas várias casas, sentinelas do rio, vêem-se as luzes dos lares, passamos a Torre que desafia as alturas e domina o espaço, os nossos passos continuam lado a lado... a comunhão dispensa as palavras, escape do dia, momentos de descontração, continuamos o nosso percurso, agora na passadeira sobre o rio, a brisa aperta, é hora de fechar um pouco mais o casaco, ao som da tábuas que rangem sob o nossos pés junta-se o murmúrio do rio no seu constante vaivém, o oceanário dorme, e retomamos o caminho inverso, é hora de regresso, como sempre fica a promessa ... voltaremos amanhã !

Sem comentários: