Pages

quarta-feira, fevereiro 28

A noite desce...


foto de Betho Feliciano em Olhares


Como pálpebras roxas que tombassem
Sobre uns olhos cansados, carinhosas,
A noite desce... Ah! doces mãos piedosas
Que os meus olhos tristíssimos fechassem!

Assim mãos de bondade me embalassem!
Assim me adormecessem, caridosas,
E em braçadas de lírios e mimosas,
No crepúsculo que desce me enterrassem!

A noite em sombra e fumo se desfaz...
Perfume de baunilha ou de lilás,
A noite põe-me embriagada, louca!

E a noite vai descendo, muda e calma...
Meu doce Amor, tu beijas a minha alma
Beijando nesta hora a minha boca!

Florbela Espanca

5 comentários:

g disse...

Esta noite que desce é mais gostosa! ;)

LemonTea disse...

Huuummmm!!!...

(limão curioso) ;)

Bjs!

Conversas inacabadas... disse...

Gosto da foto...faz-me lembrar as "páginas amarelas"...vá pelos seus dedos...hehehe
Acho que o soneto é belíssimo e nem merecia a frase anterior mas é brincadeirinha....bjs 2x2

Chocolover disse...

pois, pois ... ;)

a disse...

g, Se foi!...Se é!... ;)

lemon Imagina...
Bjs

conversas, Há sempre uma descoberta em cada dedilhar!

choco, Hummmmm!
Bjs